Cases de sucesso e seus exemplos frustantes

Gato vendo leão no espelho

Na minha profissão é comum vermos inúmeros cases de sucesso sendo colocados para estudo. Empresas e campanhas que deram certo e mostram como fizeram para atingir o sucesso. As pessoas traduzem isso de forma direta, pegam as características que conseguem identificar, montam o cenário, fazem adaptações e analogias e pronto, temos uma fórmula parcial do sucesso, ou seja, fazendo bem parecido ou algo assim vai dar certo. Mas não é bem assim…

Infelizmente estudamos muitos poucos cases de insucesso. Falhas que muitas das vezes iam mostrar mais caminhos do que os que acertaram de primeira. Assim como os rótulos aos produtos, pessoas e serviços nos levam a visões erradas sobre a sociedade e seu comportamento.

Quando pegamos o case de uma empresa, por mais que façamos uma análise super aprofundada para saber os elementos que deram certo, nunca saberemos se antes de dar certo identificaríamos os elementos que viriam a causar o sucesso.

Logicamente algo que deu certo, tende a ter mais chances de ser sucesso, se repetido, do que algo que não deu certo, porém, nunca teremos um cenário idêntico e para isso precisamos saber dos erros e acertos, nos livrando do estereótipo do sucesso e olhando de forma única todos os pontos.

Temos muitos exemplos de pessoas e empresas que eram colocadas como “Exemplo”, “Perfeita”, “Visionária” e que após alguns (as vezes poucos) anos (as vezes meses) de sucesso foram colocadas como fracasso premeditado. Um case recente é a ascensão e declínio do “império X”, do Eike Batista. Chegou a aparecer no Fantástico, um dos programas mais importantes da TV Brasileira, comentando sobre seus planos de avançar no ranking de pessoas mais ricas do mundo. Meses depois estava com empresas praticamente falidas, devendo dinheiro e cortando custos.

Sempre que ouvir a história de sucesso, tente avaliar sem o apelo que o “sucesso” traz a uma história. Exemplos são sempre bem vindos, mas lembre-se de saber julgar o que é um fator que pode ser copiado e o que é um fator causado pelo cenário, ou pelo “acaso”.

Lembre-se, se fosse tão fácil assim analisar e repetir o sucesso, o Google teria conseguido derrubar o Facebook com o Google+. As vezes enxergamos tantos cases de sucesso que nos sentimos os únicos a não conseguir tal façanha. Pode ser isso que revistar de marketing querem passar, para ter você sempre comprando a nova edição com o case de sucesso perfeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *