Internet, um concorrente ou um aliado?

No começo da pós-graduação que faço (Gestão Estratégica de Marketing Digital) ouvi que a internet é um concorrente das empresas aéreas. No momento em que me falaram até consegui ver um pouco esse ponto de vista, porém quanto mais se estuda sobre as possibilidades da internet, mais podemos identificar características como essa.

Nos últimos seis meses passei por algumas situações que deixaram claro o quanto isso é comum no nosso dia e nem percebemos. Seja no mercado corporativo ou em sua vida pessoal, quantas coisas você resolveu pela internet sem precisar viajar? Seja falar com um amigo/parente, seja fazer uma reunião, com os recursos da internet isso é muito mais fácil.

Porém, todas essas possibilidades não vieram só pela internet. Falar com um parente ou conversar com um cliente/fornecedor de outro estado já é possível desde que se tem o telefone. O meu post é sobre um uso mais aprofundado das possibilidades da internet. Coisas como Google Earth, Skype, Facebook, etc.

As emissoras de televisão já fazem conferências entre pessoas em diversos lugares do mundo há algum tempo. Nos programas jornalísticos vemos muito isso. Hoje, como todos os recursos que temos não entendo muito a necessidade de ir para outro estado para realizar, por exemplo, uma simples reunião.

Conferência com comunicação online

Durante o Innovation Challange Brazil participei de uma conferencia telefônica. Foi passado o briefing do desafio para os participantes, e mesmo sem um auxilio visual já foi possível a troca de informações, tirar as dúvidas e começar os trabalhos.

Agora, imaginem, usando um software onde o que eu digitar ou desenhar na tela aparece em tempo real para os outros participantes, eu falar e abrir uma página na internet como exemplo, exibir pela webcam algum material que não esteja digitalizado, gesticular ou usar as mãos para representar algo. Praticamente tudo e em alguns casos até melhorado podemos fazer pela internet – no que diz respeito a reuniões e conferências – sem a necessidade da presença física.

Essas possibilidades já estão sendo exploradas por escolas e faculdades (Cursos a distância), profissionais freelance, empresas multinacionais ou fornecedores fora do Brasil, etc.

Quando citei o Google Earth não coloquei a questão “sentimental/sensorial” de se fazer uma viagem, mas para fins de conhecer o lugar ou descobrir novos “visuais” a ferramenta do Google nos proporciona uma ótima experiência. Ver, por exemplo, onde moraram seus familiares em outro pais, onde ficaram seus filhos nas férias, lembrar os lugares visitados durante a viagem e até conhecer mais sobre o local que vai ser destino nas próximas férias.

O que quero dizer com esse post é “explore o ilimitado que é oferecido“. Não só o que tem aparecido de novidade na internet, mas também ações e rotinas que temos que podem ser facilitadas ou aprimoradas com novos recursos online.

Para facilitar sua descoberta de possibilidades, coloco o link para alguns programas que permitem a comunicação online de forma aprimorada:
Skype
http://www.baixaki.com.br/download/skype.htm

WebEx
http://www.baixaki.com.br/download/webex.htm

Google Earth
http://www.baixaki.com.br/download/google-earth.htm

Gerenciador de projetos online
http://www.baixaki.com.br/download/soonr.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *