Não minta para o seu cliente ou ele pode te odiar

Pinoquio

Vejo muitos anunciantes de links patrocinados colocando textos sem se preocupar com o que o cliente realmente quer achar no Google. Já vi diversas campanhas que usavam palavras genéricas e algumas vezes não ligadas ao assunto somente para “colocar mais gente no site”. Com tanta evolução das ferramentas de métricas e das próprias plataformas de comunicação não dá para entender como ainda existem empresas de grande porte fazendo coisas erradas.

Pinoquio

Anúncios que prometem e quando você clica não é bem o que esperava só geram taxa de abandono e uma grande insatisfação do cliente. Além de fazer seu cliente sair da loja mais rápido do que o desejado ainda pode criar uma má impressão sobre a sua loja, acabando com toda sua estratégia.

Promoção Fail

Um exemplo que posso citar é quando procuramos algo nos sites de comparação de preço. Muitas vezes esses sites são alimentados por webserice ou xml. Com isso o site exibe o menor preço para o produto, independente da condição que aquele preço é vendido.

Uma coisa comum nesses sites é anunciar o preço com o desconto do boleto. Devido as praticas do mercado já estamos acostumados a ver o preço e imaginar que pode ser parcelado e sem juros. Porém, quando se aplica o desconto do boleto e anuncia ele, o cliente abre a loja e o preço “real” é mais caro.

Principalmente em produtos com preço mais elevado essa diferença fica alta e o cliente pode perder o impulso da compra e deixar de fechar negócio.

Promoção Lojas Americanas

Para ilustra o caso, vou contar algo que ocorreu comigo.

Recebi uma newsletter do Ponto Frio sobre o preço de um Ar-Condicionado, porém por erro da loja, ao clicar no link o preço estava acima do anunciado. Entrei em contato com a loja via Twitter (@PontoFrio) que me respondeu e corrigiu o erro, gerando então o valor que estava sendo anunciado.

Como já havia perdido o impulso da compra resolvi fazer uma pesquisa, que eu não teria feito se o preço do e-mail estivesse correto, e achei outra loja com preço mais barato.

No site de comparação de preços, a loja com preço melhor era o Carrefour. Cliquei para acessar a loja e quando chego nela encontro um preço mais alto e um pequeno aviso: no boleto desconto de 5%.

O preço anunciado no comparador de preços era com o desconto do boleto, porém na minha visão de consumidor, aquele seria o preço do produto, possível de parcelamento.

No final das contas, como nenhuma loja me apresentou o preço correto no momento que eu estava tendencioso a comprar acabei não fechando a compra em nenhuma loja, mas pela atenção dada, compraria no Ponto Frio.

Com isso, temos duas conclusões:
– Se você conseguiu fazer seu cliente entrar na loja e ver o produto, diminua ao máximo as barreiras que podem fazê-lo desistir da compra;
– Crie um canal de comunicação rápido e eficiente. Com a rápida interação via Twitter do @PontoFrio eu consegui o preço correto e poderia ter feito a compra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *