Política, sociedade e senso comum

martin_luther_king_o_que_me_preocupa_e_o_silencio_dos_bons

Uma coisa que acho interessante é o senso comum. As pessoas assumem premissas que lhes foram passadas e vão reproduzindo, espalhando seus conceitos e criando uma imagem compartilhada sobre determinado assunto.

O senso comum nos poupa de muitas coisas. Já pensou ter que ficar analisando todos os assuntos que passam por você em uma conversa de bar? Pegamos o senso comum e pronto, a conversa vai fluir como deve, sem brigas (a menos que seu senso comum não seja tão comum assim).

Um dos sensos comuns que temos é que “político é tudo safado“, quando não “tudo ladrão“. Aí entra o que comentei de ter um senso comum não tão comum assim. Não acredito nessa premissa. E se eu acreditar, sinceramente, devo ser maluco em morar nesse país.

Acreditar que todos os políticos, pessoas que foram eleitas por nós, a partir do nosso voto, entram lá só para roubar e “se darem bem as custas do povo”, e não fazer nada para mudar isso ou é loucura ou burrice.

Se você discorda de mim quando digo que há político honesto, por favor, saia agora da frente do computador e faça algo, você está sendo roubado, não?

Acredito que a mudança seja da responsabilidade de cada um e acredito que mudanças em uma sociedade/cultura demandam tempo, mas elas precisam ser feitas.

Não estou dizendo para mudar seu senso comum, estou dizendo para fazer algo e prová-lo que ele está errado, seja você entrando na política para ser o político honesto, seja você se aproximando do seu candidato e exigindo atitudes corretas.

O que não podemos é achar que essa situação é normal. Ver nosso país sendo dominado por alguns ladrões (sim, existem muitos políticos safados e ladrões) e não dar voz para quem tem como objetivo fazer um país melhor.martin_luther_king_o_que_me_preocupa_e_o_silencio_dos_bons

One thought on “Política, sociedade e senso comum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *